Bonito, MS: saiba mais sobre uma das maravilhas naturais brasileiras!

Bonito, MS: saiba mais sobre uma das maravilhas naturais brasileiras!

Definitivamente, Bonito faz jus ao nome. É um dos lugares mais lindos e surpreendentes do Brasil!

O município – localizado a cerca de 300 km de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, é um ótimo destino para quem deseja descansar, apreciar lindas paisagens e ter mais contato com a natureza. Afinal, é uma das referências do ecoturismo brasileiro, uma vez que conta com diversas grutas, cachoeiras com águas cristalinas e afins.

Leia também:

Jalapão: 11 dicas importantes para conhecer o paraíso no Tocantins!
Fortaleza: 5 dicas para planejar sua viagem!
Maceió: 7 dicas para visitar o paraíso tropical!

Para que você possa conhecer melhor o local e elaborar aquele planejamento de viagem de respeito, o blog da Quick Brasil separou dicas incríveis!

Veja a seguir:

Bonito – Mais detalhes sobre o local…

O nome pode até parecer que foi dado de propósito, devido às maravilhas naturais! Contudo, é uma mera coincidência: a princípio, o povoado se formou nas terras da Fazenda Rincão Bonito – fundada em 1869, muito antes de existir o termo “ecoturismo”.

Está situado na região da Serra da Bodoquena, que é marcada por seus rios de água cristalina – isso se deve à presença das rochas calcárias, que funcionam como uma espécie de filtro.

E uma das informações superinteressantes de Bonito é que a maioria dos atrativos pertencem às propriedades privadas, com uma administração rígida e limite diário de visitação. O objetivo é evitar o excesso de turistas nos lugares – o que poderia prejudicar diretamente o meio ambiente.

Além disso, a contratação de uma agência especializada para a visitar a cidade é obrigatória. Ou seja, não há a possibilidade de contar com a sorte e procurar ingressos para visitações em cima da hora.

Ah, e os preços são tabelados! Desse modo, você não encontrará diferenças de preços entre as agências.

 

Bonito – Como chegar ao local

O trajeto mais conhecido pelos turistas é o desembarque no Aeroporto Internacional de Campo Grande. Deste ponto, é necessário seguir de carro até Bonito. É possível alugar um veículo, contar com as vans que ficam próximas ao terminal rodoviário ou até mesmo com o transporte compartilhado que as agências de viagem ou as hospedagens oferecem.

 

Bonito – 5 lugares que você não deve deixar de conhecer

O fato é que existem diversos lugares incríveis a serem visitados em Bonito. Mas listamos os “principais” deles:

#1 – Gruta do Lago Azul

Bonito - Gruta Lago Azul
Bonito – Gruta Lago Azul. Imagem: Portal Um Viajante

O Monumento Natural da Gruta do Lago Azul é um dos pontos turísticos mais conhecidos da região. Possui duas grandes cavernas formadas por calcário. Ao mesmo tempo que são lindas, são super frágeis e, por isso, é uma área protegida desde 1978.

Para chegar até o local, é preciso descer quase 300 degraus – equivalente a um prédio de 12 andares!

Mas ao descer, vá com cuidado: não há corrimão, apenas uma escada rústica.

E como você pode imaginar, a Gruta do Lago Azul está entre as mais disputadas, portanto, reserve o passeio com antecedência. O limite é de 305 pessoas por dia, que são divididas em grupos com horários determinados para visita, acompanhadas por guias de turismo locais.

Somente as crianças acima de 05 anos são autorizadas a realizar a atividade e para entrar, é obrigatório o uso de papete ou tênis de trilha (com solado de borracha).

#2 – Gruta de São Miguel

Bonito - Gruta de São Miguel
Bonito – Gruta de São Miguel. Imagem: Portal Um Viajante

A Gruta de São Miguel, além de também contar com as formações calcárias, possui centro de visitantes, mirante e trilha nas copas das árvores. Localizada no Parque Ecológico Vale Anhumas, permite que os turistas observem a beleza dos corais e percebam como a preservação da natureza é presente.

O passeio tem uma duração média de 1 hora e meia e 18 km de distância.

#3 – Cachoeiras do Rio Peixe

Bonito - Cachoeiras do Rio Peixe
Bonito – Cachoeiras do Rio Peixe. Imagem: TripAdvisor

As chamadas Cachoeiras do Rio Peixe estão localizadas na Fazenda Água Viva e dura praticamente o dia inteiro. O passeio pelo local conta com um percurso de aproximadamente 1.600m, e os turistas ficam surpreendidos com a série de piscinas naturais, cachoeiras ornamentais e pequenas grutas escondidas – ou melhor, submersas.

Para completar a experiência espetacular, ao final da tarde, um lanche é servido pelo proprietário da fazenda. As crianças com até 05 anos não pagam.

 

#4 – Balneário do Sol

Balneário do Sol
Bonito – Balneário do Sol. Imagem: Portal H2O Ecoturismo

O Balneário do Sol se encontra nas margens do Rio Formoso. Por lá, é possível nadar no próprio Rio Formoso e/ou nas piscinas.

Ademais, os visitantes podem contar com sanitários, salões de jogos, bares, lanchonetes e restaurantes, quiosques para fazer churrasco, quadras de vôlei, parque infantil, plataforma para saltos e afins.

 

#5 – Praia da Figueira

Praia da Figueira
Praia da Figueira. Imagem: Portal Praia da Figueira

 

A Praia da Figueira leva esse nome por conta de uma imensa árvore que compunha o local. A lagoa de águas cristalinas de 60.000m² permite que os visitantes mergulhem e fiquem à vontade.

A infraestrutura então, não há do que reclamar: espreguiçadeiras, playground, sanitários, bares, restaurantes, futebol de areia, quadra de vôlei, etc.

E ainda dá para aproveitar atividades como biribol, caiaque, tirolesa, pedalinho e frescobol.

 

Quanto custa viajar para Bonito?

De acordo com informações do Portal Viajei Bonito, o cálculo médio entre passagens aéreas, atrações, hospedagem e aluguel de carro é de 1.800 por pessoa.

Sem sombra de dúvidas, Bonito é um ótimo lugar para descansar e aproveitar – seja sozinho(a), em casal, amigos ou família!

Por fim, você já pode colocar no seu planejamento!

Para continuar por dentro do mundo das viagens, é só ficar de olho no blog da Quick!

Postado em: novembro 30, 2020

Achou útil? Compartilhe com outras pessoas
Comentários:
WhatsApp chat