Início » quick

Tag: quick

Fortaleza

Fortaleza: 5 dicas para planejar sua viagem!

Definitivamente, Fortaleza é um destino incrível! Quem ainda não conheceu, provavelmente já ouviu falar sobre suas maravilhas naturais: dunas, lagoas, praias, palmeiras e afins. Quem conheceu, provavelmente falará o quanto deseja voltar!

E ao planejar a viagem, é interessante saber de alguns detalhes, a fim de aproveitar o período ao máximo.

Melhores destinos nacionais: veja 5 maravilhas litorâneas brasileiras!
Fernando de Noronha: 5 dicas para conhecer o paraíso brasileiro!
Roteiro de Viagem: confira 08 dicas para se preparar!  

Pensando nisso, o blog da Quick Brasil te dá dicas imperdíveis sobre a cidade. Confira!

#1 – Fortaleza: qual é a melhor época do ano para viajar?

Segundo informações do Portal Volto Logo, o período mais seco e quente começa logo na segunda quinzena de julho – no qual outras regiões do país ainda seguem com dias frios –, e vai até dezembro. O período é excelente para pegar dias ensolarados.

Já entre janeiro e fevereiro, os dias são chuvosos – mas não quer dizer que também não dá para aproveitar. E considerando que um dos principais atrativos de Fortaleza é o clima litorâneo, não é recomendado viajar para lá entre março e junho.

#2 – Como se locomover?

As opções mais populares são os aplicativos de corrida, transporte público, aluguel de carro ou transfers de agências. Todavia, quem decidir se hospedar próximo à praia e consequentemente aos pequenos comércios e restaurantes, terá o luxo de se deslocar em caminhadas curtas.

Dentre as opções que citamos acima, os transfers de agências são indicados para chegar às praias mais afastadas de Fortaleza. Os preços são acessíveis e ainda é possível contar com o conforto de embarcar e desembarcar na porta do hotel.

#3 – Dicas de praia

Fortaleza - Praia de Meireles
Praia de Meireles. Imagem: Camille Panzera / Portal Melhores Destinos

 

Praia de Meireles

Localizada em região urbana, é bem movimentada, principalmente por quem decide se hospedar na cidade. Mas, ainda que suas águas sejam consideravelmente tranquilas, possui alguns pontos que não são indicados para banho.

 

 

Fortaleza - Praia do Mucuripe
Praia do Mucuripe. Imagem: TripAdvisor

Praia do Mucuripe

A Praia do Mucuripe é tranquila e concentra o famoso Mercado do Peixe. Consequentemente, o local é marcado por muitos barcos de pescadores parados na costa. Se você gosta de frutos do mar fresquinhos, é uma ótima pedida!

 

 

 

Fortaleza - Praia do Futuro
Praia do Futuro. Imagem: Levarti

Praia do Futuro

A Praia do Futuro é a mais famosa da capital, e uma das mais belas também! Possui uma extensa faixa de areia e é sempre bem movimentada.

Suas águas são esverdeadas, como nos filmes. É um local muito procurado por surfistas, uma vez que conta com ondas fortes.

 

 

Praia de Iracema
Praia de Iracema. Imagem: Portal Diário do Nordeste

Praia de Iracema

A Praia de Iracema é praticamente vizinha de Meireles, e atrai muitos turistas por sua pegada urbana.

Durante a noite, o clima boêmio toma conta da região com barzinhos e restaurantes charmosos. Além disso, os visitantes podem aproveitar o Centro de Artesanatos que carregam um pouco da história de Fortaleza.

 

#4 – Onde se hospedar?

O ideal é escolher hospedagens que ficam na região das orlas, pois facilita a locomoção e o acesso aos bares, restaurantes e outros pequenos comércios.

Nesse sentido, as principais indicações são: Praia de Meireles, Praia de Iracema e Praia do Futuro.

Para uma boa pesquisa de hotéis e reservas, conte com plataformas como o Booking.com.

#5 – Quantos dias ficar na cidade?

Para aproveitar várias das maravilhas de Fortaleza, a recomendação é pegar um período entre 7 e 5 dias. Mas claro, quanto mais dias você puder ficar, melhor!

Por fim, se estiver com vontade de estender a viagem e visitar a famosa Jericoacoara, coloque pelo menos mais 3 ou 4 dias no roteiro. Ou seja, evite o “bate e volta”! Será muito exaustivo e provavelmente você aproveitará pouco.

 

Anotou as dicas de Fortaleza? Para ficar por dentro de mais conteúdos como esse, fique de olho no blog da Quick.

E já sabe: voo atrasou ou cancelou? Você pode clicar aqui e enviar o seu caso!

Postado em: outubro 29, 2020

Maceió

Maceió: 7 dicas para visitar o paraíso tropical!

Viajar para Maceió significa visitar um dos litorais mais belos do Brasil!

Conhecida como “Caribe Brasileiro”, a capital de Alagoas conta com opções de hotéis, bares, restaurantes e diversas maravilhas naturais admiradas por milhares de turistas: piscinas naturais, águas cristalinas, areias douradas e aqueles coqueiros dignos de filmes.

Se você está planejando conhecer o local, mas precisa saber alguns detalhes primeiro, esse post é para você.

Leia também:

Viajar barato: confira 7 dicas para economizar na trip!
Natal Luz Gramado: conheça o espetacular evento gaúcho
Primeira viagem de avião: entenda 4 pontos essenciais!

Como chegar? Qual é a melhor época para viajar? Quantos dias ficar?

Confira essas e outras dicas a seguir:

#1 – Maceió: como chegar?

Ao chegar de avião, o desembarque será no Aeroporto Internacional de Maceió – Zumbi dos Palmares (MCZ), localizado a pouco mais de 20km da orla.

Maceió é ligada por voos diretos a Brasília, São Paulo, Recife, Belo Horizonte, Salvador, Aracaju, Campinas, Ribeirão Preto e Rio de Janeiro. As cidades que não foram mencionadas, precisam fazer conexão com as que citamos acima (normalmente em São Paulo ou Salvador).

O terminal rodoviário, por sua vez, fica mais próximo de das praias – cerca de 7km.

#2 – Qual é a melhor época para viajar para Maceió?

Um fato é certo: o mar da capital alagoana é lindo durante todos os meses do ano! Contudo, há temporadas mais propensas para turismo. Recomenda-se viajar entre outubro e janeiro, pois o tempo é mais firme e as águas estão super clarinhas.

É possível visitar em setembro, fevereiro e março, mas é importante saber que há a possibilidade de pegar dias de chuva, o que acaba atrapalhando os passeios.

Maio e junho são os períodos mais chuvosos.

#3 – Quantos dias ficar?

É interessante que sejam reservados pelo menos 7 dias completos para aproveitar bem Maceió. Mas, ao conseguir pelo menos 4 ou 5 dias, também já vale super a pena!

#4 – Algumas indicações de praias

Maceió - Praia Ponta Verde
Maceió – Praia Ponta Verde. Imagem: Portal Viagem e Turismo

 

Ponta Verde – a praia da Ponta Verde é uma das favoritas de diversos turistas, e é lá que fica a placa “Eu Amo Maceió”! O pôr do sol é simplesmente esplêndido e os coqueiros fecham o combo de “paisagem de filme”.

 

 

 

 

Maceió - Praia de Jatiúca
Maceió – Praia de Jatiúca. Imagem: Portal Praias de Maceió

 

 

Jatiúca – fica bem próxima à Ponta Verde e, além do fácil acesso à rede hoteleira, lojas e restaurantes, conta com águas calmas.

 

 

 

 

 

Maceió - Praia Cruz das Almas
Maceió – Praia Cruz das Almas. Imagem: Portal Praias de Maceió

 

Cruz das Almas – é uma praia menos frequentada por turistas, pois possui águas turvas. Escolhida por quem tem mais experiência com o mar e gosta de pegar ondas.

 

 

 

 

Praia de Pajuçara
Praia de Pajuçara. Imagem: Portal Viagem e Turismo

 

Pajuçara – está entre as mais conhecidas da cidade. É marcada por suas piscinas naturais, exploradas por passeios de jangada que custam em média R$ 30,00. As águas são super verdes, mas é melhor se informar quanto aos horários que a maré está mais baixa, ainda que seja uma praia normalmente tranquila.

 

 

#5 – Como se locomover na cidade?

Ao viajar em família ou em grupo de amigos, alugar um carro pode ser uma boa aposta, considerando a independência na escolha dos pontos turísticos e nos horários, pois as excursões seguem um cronograma.

Agora, quem quer apenas se divertir e não se preocupar com direção, os passeios oferecidos por receptivos turísticos também podem ser boas opções. Ademais, para corridas curtas, é possível solicitar carros de aplicativo.

 

#6 – Onde se hospedar em Maceió?

Boa parte dos hotéis de Maceió está localizada nas orlas de Ponta Verde, Jatiúca e Pajuçara, e a maioria está acompanhada por ótimos bares e restaurantes – o calçadão que fica entre Pajuçara e Ponta Verde é um dos trechos mais movimentados! Perto desses locais, fica mais fácil se deslocar até a praia.

Além disso, o comércio é bem atrativo, recheado por feirinhas de artesanato, que os turistas amam.

Para quem está em busca de economia, mas sem abrir mão de um certo conforto, os hotéis recomendados são o Praia Bonita Jatiúca e Soft Inn Maceió.

Em níveis “intermediários”, o Porto Jatiúca ou o Holliday Inn são ótimos!

Já os hotéis que contam com uma estrutura mais complexa e uma vibe mais “luxuosa”, as indicações são o Best Western Premier Maceió ou o Meridiano Hotel.

 

#7 – Sobre a gastronomia

Definitivamente, os sabores da culinária nordestina são inigualáveis e Maceió é uma das cidades perfeitas para aproveitá-los.

Assim como mencionamos sobre as hospedagens, as orlas de Ponta Verde e Pajuçara contam com muitos restaurantes – inclusive, com sistemas de buffet à vontade. Os da região de Jatiúca são consideravelmente afastados entre si, então é recomendado ter o endereço certo.

Se preferir opções mais baratas, os quiosques à beira-mar também são de qualidade. Tapiocas, lanches ou porções podem variar entre R$ 10,00 e R$ 25,00.

 

E aí, pronto(a) para montar o seu roteiro de viagem para Maceió?

Para mais dicas, é só continuar de olho no blog da Quick.

E já sabe: se tiver problemas com atrasos ou cancelamentos de voo, clique aqui e nos envie o seu caso!

Postado em: outubro 15, 2020