Viagem em família: escolhendo o destino e organizando os passeios

Viagem em família: escolhendo o destino e organizando os passeios

Viajar com a família é uma tradição: conhecer novos lugares e criar memórias divertidas é fundamental não só para a diversão, como também para a construção de laços afetivos ainda mais estreitos.

Escolher o destino e organizar os passeios de viagem em família é, no entanto, um desafio para muitas pessoas. Com a pandemia causada pela COVID-19, os cuidados precisam ser redobrados, e muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre como se planejar e quais medidas devem ser adotadas para manter a família segura durante toda a viagem.

Cuidados com a pandemia

Para que as viagens e passeios em família sejam feitos da melhor forma possível, é necessário se atentar às normas de segurança e melhores práticas para garantir uma viagem tranquila. 

Nesse momento, é importante sempre ter em mãos álcool em gel e não esquecer de usar a máscara de proteção.

Para a viagem, lembre-se:

  • voos nacionais possuem limite de 500ml de álcool por pessoa, e deve ser transportado em embalagem transparente;
  • voos internacionais possuem limite de 100ml de álcool por pessoas, e também precisa ser transportado em embalagem transparente;
  • lembre-se de levar máscaras extra de proteção para troca conforme recomendação da OMS durante todo o período do passeio. 

Além disso, em recomendações gerais, é importante manter o distanciamento social e higienizar bem todos os itens após a chegada dos passeios.

Para tornar a viagem mais tranquila nesse sentido, pode ser interessante optar por destinos e passeios mais vazios e mais tranquilos, evitando aglomerações.

Como escolher os destinos

Como escolher os destinos

O primeiro passo para organizar a viagem em família é escolher os destinos. 

Durante o período de pandemia, algumas coisas ficaram mais evidentes nessa escolha: locais mais tranquilos e destinos mais próximos se tornaram as opções preferidas das famílias.

1. Opte por destinos mais próximos

O percurso para os destinos mais próximos muitas vezes poderá ser feito pela família em seu próprio carro, sem a necessidade de se expor a um ônibus ou avião.

Durante a pandemia e considerando a necessidade do distanciamento social, essa alternativa acaba se tornando mais interessante, visto que pode ser inclusive mais segura.

Se não for possível escolher destinos cujo percurso poderá ser feito de carro, é preciso redobrar a atenção e os cuidados para garantir a segurança e a tranquilidade da família durante o caminho.

2. Opte por locais mais tranquilos

Quando estiver escolhendo os destinos da viagem, dê preferência para locais mais tranquilos. As viagens em família muitas vezes envolvem crianças, e ambientes mais calmos podem ser a melhor alternativa para garantir a segurança dos pequenos.

Além disso, os locais mais isolados e menos visados também refletem um menor número de pessoas e, dessa forma, permitem que a família evite aglomerações.

3. Considere as estações do ano

Antes de escolher os destinos, é interessante considerar as estações do ano. Veja como estará a cidade de seu interesse durante a data prevista da viagem.

Uma dica: é comum que viagens para locais mais frios com crianças possam gerar algum desconforto para os pequenos. 

Por isso, é fundamental considerar essas variações de temperatura para fazer viagens mais tranquilas e passeios mais proveitosos.

4. Considere viajar fora do período de férias

Evitar o período de férias pode ajudar a diminuir os riscos de aglomeração. Além de ser uma das medidas mais importantes para a prevenção da COVID-19, também é uma forma de garantir a tranquilidade de todos durante os passeios.

Ambientes com muitas pessoas limitam muito o espaço de diversão das crianças. Afinal, é necessário que elas fiquem bem próximas aos pais para que não se percam.

Ambientes mais tranquilos, por sua vez, permitem que os adultos tenham uma visão mais abrangente do espaço, dando um pouco mais de liberdade para os pequenos.

5. Certifique-se de que haverão atividades para todos os familiares

Quando for escolher um destino para a viagem em família, é importante pensar nas atividades e passeios que serão realizados durante as férias.

Certifique-se de que o destino escolhido possuirá atividades que agradem todas as idades, desde os adultos até os filhos mais novos.

Isso, sem dúvidas, tornará o passeio muito mais divertido para todos.

6. Para viagens internacionais, certifique-se das restrições

Um detalhe importantíssimo na hora de escolher o destino para a sua viagem em família é se certificar das restrições. Devido à pandemia, muitos países estão restringindo a entrada de turistas. 

Além disso, alguns países também possuem um protocolo de entrada no local: realização de testes e quarentena ao chegar.

Ao escolher o seu destino internacional, pesquise sobre as preferências, restrições e regras de cada país.

Como organizar os passeios 

Como organizar os passeios

Uma vez que o destino foi definido, é hora de começar a planejar os passeios. Para viagem em família, principalmente com crianças e adolescentes, é necessário encontrar opções que agradem todas as idades envolvidas.

Além disso, é importante se lembrar de manter as medidas de segurança durante os passeios: leve sempre álcool em gel, vá de máscara e leve máscaras extras para troca ao longo do dia.

1. Saia do óbvio

Os passeios turísticos padronizados podem ser legais, mas saindo do óbvio conseguimos encontrar alternativas muito interessantes e, na maior parte das vezes, com menos pessoas.

Pesquise sobre os mais diversos tipos de passeio e intercale, se possível, os passeios turísticos tradicionais que você quer realizar e os passeios que são um pouco diferentes, mas que podem trazer muita diversão para a viagem em família.

2. Considere os interesses das crianças

Para a viagem em família ficar agradável para todos, é importante considerar os interesses das crianças. 

Por mais que, muitas vezes, os adultos tenham preferências por alguns tipos de passeio, é preciso pensar no bem estar das crianças. Passeios como trilhas, por exemplo, para crianças pequenas pode não ser a melhor opção.

É interessante avaliar opções de passeios que permitirão que tantos os adultos quanto os pequenos tenham atividades agradáveis e diferenciadas no dia a dia.

3. Planeje as refeições

Se você está viajando com crianças, é importante sempre considerar as refeições ao longo do dia. Caso os passeios sejam feitos na praia, por exemplo, considere opções que possuem quiosques que oferecem refeições para os pequenos.

Se não for possível encontrar um local de passeio que ofereça as refeições, leve alguns lanches saudáveis.

4. Organize sua bolsa de passeios

Cada passeio pode exigir alguns itens. Se você for fazer um passeio aquático, por exemplo, é importante levar bóias, protetor solar e outros itens de proteção.

Se você está planejando uma trilha, o ideal é levar tênis confortáveis, água e alguns lanches para o percurso.

Quando for preparar a mala da viagem, considere os possíveis passeios que serão realizados e leve os itens mais importantes para cada um deles.

5. Lembre-se de manter o distanciamento

Os passeios podem ser muito empolgantes, e é normal que nos deixemos levar pela situação. No entanto, é importante se lembrar de manter o distanciamento mesmo durante esses passeios.

Certifique-se de que você e as crianças estão devidamente protegidas e cumprindo um distanciamento de 2 metros em relação às outras pessoas. Isso ajudará a manter um passeio divertido e seguro com toda a família.

Como se preparar para os imprevistos

Imprevistos acontecem. Mesmo com muito planejamento, cuidado e atenção, é possível que algumas coisas saiam fora do esperado.

Para que esses imprevistos não se tornem grandes problemas, é importante ter alguns cuidados.

1. Tenha uma reserva de emergência

O primeiro cuidado é viajar com uma reserva de emergência. Tenha sempre um valor ou limite no cartão de crédito para possíveis imprevistos durante os passeios. 

2. Lembre-se de levar todos os documentos

Quando estiver arrumando as malas, não se esqueça de levar todos os documentos para a viagem. Tenha em mãos não só os documentos de identificação, como também os documentos do plano de saúde, se houver. 

3. Mantenha a calma

Caso algum imprevisto aconteça, é importante manter a calma e tentar pensar em possíveis soluções para cada uma daquelas situações. 

Lembre-se de garantir a segurança e o conforto das crianças, manter a tranquilidade e, se tiver contratado, acionar o seguro viagem.

4. Faça um seguro viagem

Sempre que for realizar uma viagem mais longa, pode ser interessante fazer um seguro viagem. Esse seguro irá ajudar a resolver possíveis imprevistos durante a viagem e trará ainda mais segurança para a sua família.

É importante considerar também os seguros que possuem cobertura em relação ao COVID-19. Mesmo para pessoas que já foram vacinadas, a orientação é sempre manter o seguro completo, visto que o vírus continua existindo, pode haver contaminação e, segundo a OMS, levará alguns anos até que toda a população esteja imune, de fato.

5. Conte com empresas especializadas

Se você estiver realizando uma viagem de avião e, infelizmente, enfrentar uma situação de voo cancelado ou atrasado, é interessante contar com o apoio de empresas especializadas. 

A Quick Brasil é uma empresa dedicada a transformar a forma com que os passageiros reivindicam seus direitos. Ela atua no mercado adquirindo os direitos creditórios dos passageiros que passam por problemas de atraso e cancelamento de voo. 

Após a análise da situação, se o caso for avaliado positivamente, os passageiros recebem uma indenização paga pela Quick Brasil e perdem o direito creditório sobre o problema aéreo.

Dessa forma, os passageiros que foram lesados pelas companhias aéreas não terão que lidar com toda a burocracia, e serão indenizados previamente.

Para saber mais sobre a Quick e como ela funciona, acesse nosso site.

Postado em: março 3, 2021

Achou útil? Compartilhe com outras pessoas
Leia também:
Comentários:
WhatsApp chat